Login

Fechar

Esqueceu a senha?

Fechar

14 JULHO 2014 - 10:20 - Cidades
  • Compartilhe

Vacinação infantil contra hepatite A começa hoje em Vitória

Unidades de saúde do município vão vacinar crianças entre 12 e 24 meses. Campanha contra hepatite A começa hoje 

Por: Redação Sou ES

infantilA partir desta segunda (14), todas as unidades de saúde de Vitória realizam uma campanha unificada de vacinação infantil contra a hepatite A. A vacinação contempla crianças de 12 a 24 meses de idade e a expectativa da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) é vacinar, aproximadamente, 4160 mil crianças na capital. A medida é para prevenção e controle da doença na fase adulta.

Em princípio, a vacina será aplicada em dose única, já que pesquisas e a prática médica ao lidar com a hepatite A demonstram que em 90% dos casos, as crianças apresentam anticorpos protetores após a primeira dose da vacina. No entanto, o Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde vai realizar um monitoramento dos resultados da campanha e, caso a expectativa não corresponda aos números prospectados e seja mantido o risco epidemiológico hepatite A no país, pode ser avaliada a opção de aplicar a segunda dose da vacina nas crianças.

A rede pública de saúde de Vitória já disponibiliza a vacina contra a hepatite B. A novidade da aplicação contra hepatite A no calendário infantil de vacinação veio de um planejamento federal do Ministério da Saúde para prevenção e controle das hepatites virais.

Hepatite A: doença e sintomas
A hepatite A é a inflamação do fígado, uma irritação ou inchaço provocado pelo vírus da doença. A transmissão do vírus da hepatite ocorre, principalmente, através das fezes e do sangue da pessoa infectada, quando postos em contato via fecal-oral, por contato de pessoa a pessoa, ou por meio de água e alimentos contaminados.

A gravidade da doença depende da idade do paciente. Em crianças menores de cinco anos, a hepatite A não apresenta sintomas e a infecção se resolve naturalmente. Já em adultos, 70% a 95% das infecções resultam em doença clínica e é por isso que o governo tem investido na vacinação infantil, para que, na fase adulta, a doença não seja motivo de preocupação.

Nos casos sintomáticos – que acontecem principalmente com pacientes adultos – os sinais da hepatite A começam entre a segunda e a sexta semana após a exposição ao vírus e, geralmente, são leves. No entanto, os sintomas podem durar vários meses, especialmente em adultos. Urina escura, fadiga, coceira, perda de apetite, febre baixa, náuseas e vômitos, além de fezes pálidas ou com cor de argila e pele amarelada (icterícia), são os sintomas mais frequentes.

A hepatite A não tem tratamento específico, já que os sintomas são variados, moderados e contínuos, a recuperação, após a infecção, pode demorar várias semanas ou meses. Por isso, a prevenção é a medida mais importante para seu controle. Isso significa principalmente manter a higiene das mãos e lavar sempre os alimentos antes de serem consumidos.

*Com informações da Prefeitura de Vitória

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Comentar

* = Preenchimento obrigatório